Nevada, 1864

Um casamento de mentira... Uma paixão de verdade...
Mimada, linda e esperta, Kate McGillacuty concorda em se casar com alguém que se encaixe nos padrões exigidos por seu pai: "um homem de verdade", que não tenha medo de enfrentar trabalho duro. Ela então, escolhe seu noivo entre uma equipe de lenhadores de Virginia City, convencida de que vai persuadi-lo a representar uma pequena farsa, mediante um pagamento justo, até conseguir a anulação do casamento.

Dessa forma, conseguirá sua tão sonhada liberdade e uma passagem de volta ao mundo civilizado. Peter O'Rourke não se importa de conspirar com o pai de Kate para ter um emprego estável, mesmo que para isso tenha de se casar com a temperamental filha do patrão. Logo, porém, ele se vê tendo fantasias sensuais com sua linda esposa, e seus planos vão por água abaixo... Peter nunca conheceu uma mulher como Kate, e está disposto a tudo para conquistar o coração de sua noiva rebelde...

Meu Comentário:

É um livro de reações inesperadas, com uma trama envolvente e muitas surpresas, a leitura flui com facilidade e alterna momentos engraçados, com momentos super românticos e extra sensuais.

Sem dúvida Bárbara Dan sabe como envolver e cativar as leitoras. E junto à Christina Dodd, Hannah Howell e Cia. Passa a fazer parte das autoras que não se pode deixar de ler.

Nota 10.
Conecticut, 1813

MUITO ALÉM DA PAIXÃO!

Nem mesmo a própria noiva se reconheceria naquela mulher que se encontrava ali, nua como viera ao mundo, fazendo votos nupciais a um homem irresistivelmente charmoso a quem ela mal conhecia! O casamento com Bruce MacGregor era a única maneira de Lydia Masters se livrar da cobrança das dívidas deixadas por seu primeiro marido. Mas até mesmo uma viúva tímida e recatada tem seus limites, e quando Bruce resolveu descobrir até que ponto aquela fachada séria e reservada escondia uma natureza apaixonada, Lydia se sentiu completamente perdida...

Poupar Lydia de dívidas não foi o único motivo que levou Bruce a se casar com ela. Aquela jovem viúva era uma tentação, embora sua beleza se equiparasse à teimosia... Mas Bruce não sobrevivera a batalhas sangrentas para ser dominado por uma mulher, muito menos uma lorinha miúda e delicada. Ele não estava, no entanto, preparado para o forte sentimento que Lydia lhe despertaria, nem para as perigosas aventuras que os separariam, nem para as inimagináveis proezas de que aquela mulher seria capaz para provar a glória de seu amor...

Meu Comentário:

Um dos melhores livros que já li.
Devo dizer que vale a busca sem duvida, é um livro com uma estória diferente, cheia de momentos gato e rato, com muitos duelos de vontade, trechos engraçados, sintonia perfeita, entre os protagonistas, momentos ultra-mega-hiper-hots lembrando bastante a geléia dos Murray da Hannah Howell, numa versão de cobertura de chocolate.

Também tem um trecho de resgate que nos remete as pequenas geniosas e teimosas Gillyane, Avery e Elspeth as poderosas primas Murray.

Enfim, super vale a pena ler com certeza.

Nota 10.

4 comentários:

Lariane disse...

Adoroooo essa autora!

Mara disse...

Ei Lari... tava sumidinha heim...rsrs

Eu também amooooooooo a Barbara Dan... pelo menos esses dois livros pra mim foram notas 10 sem nenhum tipo de ressalva...rs
bjos e brigadinho pela visita!

ALEXIS disse...

Eu tenho os 2 e adoro!
Sou fissurada nesses 2 mocinhos da Barbara Dan.
A Kate, do primeiro livro me irritou um pouco, mas, nada além do normal.
Eu ri horrores com esses 2 livros.E a cena do bolo e chocolate em A noiva de MacGregor? Gente!

Mara disse...

Oi Alexis...

Eu tb me irrite com a primeira noiva... em compensação o mocinho era bem bad boy né?

kkkkkkkk e eu tenho um fraco por bad boy!

Já no Noiva do MacGregor... ui amei tudo... ela destemida salvando o mocinho... o casamento ela nua atrás do biombo... kkkkkkkk ri muito... e claro a cena do bolo de chocolate... ui!

Enfim... livros que super valem a pena!

bjos e brigado pela visita!
Mara

Postar um comentário

Olá sejam Bem-vindos! E por favor deixem seus comentários.

Subscribe