Perigos e desejos se chocam em mais um romance emocionante de Diana Palmer!

Quando Garon Grier, agente do FBI, comprou um rancho em Jacobsville, desejava somente resolver alguns problemas de família. 

Afinal, ele era um lobo solitário, e não estava em busca de amor. Grace Carver foi criada nessa pequena cidade do Texas, e, devido a problemas na juventude, jamais pensou em se casar... até conhecer Garon. 

Duas pessoas unidas pela investigação mais difícil da carreira dele: a caçada a um assassino de crianças. 

Agora, Garon, um homem da lei, e Grace, uma mulher com marcas do passado, enfrentarão um louco à solta ao mesmo tempo em que se esforçam para apagar cicatrizes do coração.

Meu Comentario:
Rejeitada pelos pais, odiada pela avó que foi designada como sua guardiã e molestada por um psicopata assassino aos 12 anos... Se existe alguém que nasceu só para sofrer, seu nome é Grace Carver.

Sobrevivente, lutadora incansável depois de todos os seus tormentos precisa lidar ainda com sua última e mais difícil provação que atende pelo nome de Garon Grier.

Ninguém com uma história de vida tão sofrida merecia ter o Garon no seu destino.

O livro tem uma trama bem elaborada, muito suspense com um assassino cruel e muito inteligente. Alguns trechos do livro são chocantes pois descrevem o estado em que ele deixa as vítimas, o que torna a leitura eletrizante.


Garon não me convenceu, nem mesmo ao detalhar a triste perda da 1ª esposa e do filho, pois na minha opinião, tais fatos não lhe davam o direito de ser tão "Ogro".

Os habitantes de Jacobsville conquistaram definitivamente o meu coração ao "expulsarem" Garon do convívio social na cidade, em represália às suas atitudes para com a Grace.

As cenas em que o assasino detalha sua vida de sofrimento com a madrasta meio que para "explicar" sua obsessão assassina é arrepiante.

Destaque para o trecho em que Garon chora pela iminente perda de Grace e o bebê, eu confesso que me emocionei.

A compreensão e apoio de Cash, o fato de Garon voltar a crer em Deus e pedir-lhe ajuda para salvar a mulher que ama, junto com a milagrosa recuperação de Grace me arrancaram lágrimas.


Nota 10. (apesar da Ogrisse² de Garon durante a maior parte do livro).

Ps¹. Garon trocando as fraldas do Tory são um capítulo à parte.

Ps². O trecho que foi cortado no capítulo 10, faz muita falta. Para que possam entender seria legal lerem a resenha completa da PHD em Diana Palmer minha amiga Suelen do Romantic Girl, que inclusive o postou na integra.

5 comentários:

Suelen Mattos disse...

Adoreeeei sua resenha!!!! Tô com minha irmã aqui do lado e estava falando com ela enquanto lia sua resenha que eu chorei horrores na parte em que o Garon sofre com a possibilidade de perder Grace. Ele foi um ogro total, mas o que eu gosto nos personagens ogros da DP é a hora da redenção. Sempre vale a pena!!!

Bjnhs!!!

Silver Fox disse...

Pois é...esse é um daqueles livros q me deu vontade, qdo estava no meio ainda, de rasgar todinho e sapatear em cima...
Mas, como qto mais ogro o mocinho da DP for, mais chulé o diabo vai ter no pé ao amassar o pão q ele irá comer, eu me controlei e fui até o fim.
Valeu a pena...rs

Mara disse...

Suelen... fiko feliz que tenha aprovado minha resenha...

Não tenho vergonha de dizer não... eu realmente chorei... e apesar de tudo o perdoei...rs.

Bjos
Brigado pela visita!

Mara disse...

Silver Fox...

Realmente em alguns momentos eu tive que me segurar pra não espancar o livrinho... até porque que ele vai de presente para uma amiga que é viciada em DP... a Rogi... dai eu não podia maltratar né?

Mas o final como vc mesma disse é um sofrimento sem fim... e o Garon tem que penar para conseguir ser feliz!

Mas o que gostei mesmo... foi de saber que o homem durão... não aguentou ver a fralda do Tori e saiu correndo pro banheiro...rs eita homim mole...rs

bjos
Brigado pela visita!

Thaís disse...

Amo esse livro . Garon se redimiu e me fez chorar também com a sua dor . Lindo , emocionante . Também adorei a parte das fraldas , ri muito. Aliás adorei todo o livro até as partes das ogrices .

Postar um comentário

Olá sejam Bem-vindos! E por favor deixem seus comentários.

Subscribe