O Tirano de Cherbon

Inglaterra, 1103

A Bela e a Fera
Depois de anos de tumultos e combates, Roderick Cherbon abandona as Cruzadas e regressa para casa, completamente transformado pela guerra. O rapaz que antigamente sonhava em compensar as injustiças cometidas pelo pai é hoje um homem amargurado, com cicatrizes no corpo e na alma. Ele se recusa a se aproximar das pessoas e a falar com elas, e só sai de dentro dos muros de sua fortaleza para se misturar às sombras da noite. E até mesmo na morte, o pai continua a atormentá-lo: para ter direito a receber sua herança e título, Roderick precisa se casar.

Michaela Fortune é menosprezada por ser pobre, ridicularizada por seus sonhos e por ter bom coração. A humilhação e a necessidade atormentam sua família, e orgulho é um sentimento que ela não pode permitir-se ter. O atual lorde Cherbon e seu decadente castelo podem ser uma solução... Mas para conquistar um homem que chegou ao fundo do poço, Michaela precisará de toda a sua beleza, graciosidade e doçura, se quiser ter um fio de esperança de amansar aquele coração...

Meu Comentário:
É um leitura imperdível já que Cherbon nos conquista logo nas primeiras linhas, tornando a leitura um passeio emocional surpreendente.

A rejeição do pai, as constantes recriminações, a batalha perdida em nome das Cruzadas e o corpo deformado, junto à alma dilacerada o tornam um homem inesquecível.

A mocinha é batalhadora, incansável e muito corajosa.

Hugh o melhor amigo de nosso mocinho cicatrizado é tão dúbio que até agora ainda não me decidi se simpatizo com ele ou não.

Sem falar em Léo o filho bastardo de Roderick, com apenas 3 anos conquista quem o conhece quase que instantaneamente.

A batalha final entre o bem e o mal é mágica, e com certeza nos faz acreditar em milagres.

Nota 10. (Tornou-se intocável e introcável)

Ps. Agradecimentos de coração à Rogi amiga do coração que me deu o Tirano mais fofo do planeta de presente.

4 comentários:

Nana's Blog disse...

Esse livro é lindoooooooo demaisssssssss
Eu tenho ele, adoro tudo q tem a ver c a bela e a fera.

Mara disse...

Oi Nana...

Também sou apaixonada por esse tema... tanto que uso o nome de uma "fera"... o d'Arques...rs

Realmente esse livro é lindo e super vale a pena a leitura!

Brigado pela visita!
Bjos

Andrea disse...

Oi!!!!

Não falei que vinha te visitar? E com o que logo eu dei de cara: o meu tirano favorito! Esse livro é um espetáculo, me tocou profundamente e o realismo mágico do final deu um toque todo especial a uma história tão linda...

Dei o meu prá Beta e estou aguardando ansiosamente pela resenha dela, mas confesso que de vez em quando me dá uma dor no peito de vontade de reler o Tirano. ]

Mas me conforta saber que ele está em mãos maravilhosas e de vez em quando mato as saudades com as resenhas sobre ele.

Parabéns pela resenha, pois você conseguiu captar a sensibilidade e beleza do livro e passar prá gente.

Beijo!

PS.: mais uma coincidência - você respondeu ao comentário bem no dia do meu aniversário! rsrsrsrsrs

Mara disse...

Oi Andrea... seja muito bem vinda... e fikei mega feliz em saber que foi tipo um presente de aniversario...rs.

O tirano de Cherbon... é inesquecivel... e eu tb sou apaixonada por ele...

Bjos
MARA

Postar um comentário

Olá sejam Bem-vindos! E por favor deixem seus comentários.

Subscribe